terça-feira, 25 de julho de 2017

já hoje

há pouco ~reassistindo kung fury pra poder fazer a resenha que júlio pediu.
em trinta minutos acontecem coisas que dariam quarenta diferentes filmes.

~

li esse link hoje sobre disciplina para escrever, estratégias, etc, e acho que uma coisa que vou tentar um pouco é tomar algumas notas no caderno antes de dormir. quando o pensamento tá mais desprendido, sem freio e tal. se não servir para escrita futura, acho que pode ser bom em fazer isso. não sei, imagino que sim.

~

terminei um dos trabalhos de disciplina do doutorado,
fiz o ppt do trabalho que vou apresentar no congresso mês que vem,
mandei para os respectivos professores isso daí.
achei até produtivo.

~
minha inscrição no concurso do if está ok,
esqueci de olhar o diário oficial hoje,
treinei de manhã,
não li hoje,
o dia começou bem difícil mas deu pra ir levando. mas é ainda muito desafiador lidar com a ideia permanente de falta de perspectiva, de ir fazendo "o que tem pra fazer hoje" mas só por fazer. segue sem sentido.

~
o almoço no vegetariano hoje tava muito muito bom. muito bom.

fetichização do frila

júlio me pagou uma fortuna de dinheiros pra eu escrever uma resenha de kung fury que só ele vai ler
8 reais
no caso um frila

;

quando eu disser que depois do almoço "estava trabalhando" será verdade será por isso.

segunda-feira, 24 de julho de 2017

"eu não gostei de como as coisas terminaram."
"eu não gostei de elas terem terminado."

pois

um dia quero voltar a ser feliz nível feliz de hanna comendo melancia
juro como quero
todo dia tendo de consultar o diário oficial de municípios e fico impressionada com a existência de humanos cujo trabalho envolve escrever coisas burocráticas e chatas e quadradas assim. mddscéu. TODO DIA isso.
~

por onde anda o lobo de jon snow? não lembro a última vez que ele apareceu.

~

eu deveria estar terminando o trabalho do doutorado mas tô exercitando o sofrimento desde o fim da tarde e pensando besteiras muitas e só uma ou outra coisa séria.

~
não sei se amanhã de manhã eu treino ou vou pro mar.

~
eu deveria assistir a mais filmes. deveria mesmo.

meu notebook que não chega do conserto :(

perspec

pensar o estágio deprimido como fundo do poço me parece errado. mais correto pensar que é um poço sem fundo. 
sem fim, uma queda constante. 

é difícil começar uma semana assim, e acho que tenho de repensar sobre medicamento outra vez. não sei se vale resistir um pouco mais, se tô exagerando ou se tá certo mesmo de ir. sinceramente mal consigo saber.
mas de fato cada baixa tem sido disparada por acontecimentos que poderiam ser detalhes, e não são. e em cada baixa dessas eu tenho a sensação quase nítida de que meu corpo não aguenta muito mais; falando concretamente, em aspectos físicos mesmo. parece que ele tá exausto, e tá mesmo. vem desde janeiro isso. 

e termina que tem dias que fico me perguntando até quando vou estar assim, se num sempre, se sempre vou ter de me preparar pra isso ou de conviver com isso. eu olho pro futuro e nem vejo futuro. antes eu olhava sem esperança, agora olho sem perspectiva, como se ele não viesse a existir. e aí fico me perguntando se sinceramente vale a pena continuar estando assim. se vale a pena continuar vivo se não se consegue ser feliz, por mais que tente. 

parece que as possibilidades esgotaram e eu sinto isso numa mistura terrível de angústia e desespero, mais do primeiro que do outro. 

hojes

amanhã começa a flip, festa literária internacional de paraty,
e a programação tá cheia de autores negros (mulheres e homens), e de escritoras.
bom né.

cada vez mais, acho que a gente se aproxima do 'mundo ideal' de não precisar lembrar de convidar mulheres, lembrar de convidar negros, e, principalmente, de não precisar sempre ter mesas falando sobre as mulheres/negros na literatura, etc.

~

será que dá certo isso de olhar o diário oficial e só fazer um ctrl+f no meu sobrenome, até o dia em que ele aparecer?
obviamente tenho nem coragem. faço isso mas depois olho os dois municípios que podem me chamar pelo concurso.

~
preciso retomar direito os estudos pra o concurso do if, mddscéu.

~
queria melhorar minha escrita funcional, mas tô meio sem norte.

~
minha mãe ainda em brasília e casa ainda muito em silêncio. acostumei. mas faz falta.
e me faz sentir ainda mais falta dos meus avós, que não estão mais vivos. se estivessem, eu estaria lá bem mais vezes por agora.

~
minha sobrinha parece meu irmão mas é linda. muito linda. :)