quinta-feira, 2 de março de 2006

~

A mais pura e controversa solidão.

Nenhum comentário: