quinta-feira, 15 de fevereiro de 2007

Já tá bom de postar, né?

É que ando sem grandes novidades assim. Sem inspiração. Sem saco. E com muita, muita preguiça.

Mas tenho que dizer que uns dois dias depois de fazer o post anterior, eu tive um sonho tristíssimo.

Antes de ir dormir, na verdade, eu tava aqui na internet pesquisando coisinhas sobre o aquecimento global e coisas do gênero (lógico que, em virtude de ser um sábado a noite, terminei desistindo da pesquisa e passei a me dedicar a apagar meus scraps). Malu veio aqui no msn e perguntou sobre o que eu estava pesquisando, e começou a puxar assunto... e eu lembro que falei pra Malu que esses problemas me tiram do sério, porque são conseqüência de falta de consciência e de "cuidado" do homem. Então eu falei algo do tipo: dá vontade de morrer, né? Eu penso demais nisso. Às vezes é difícil até dormir ou pensar noutra coisa. Fico noiada 24horas por dia, em algumas 'épocas'.

Beleza. Na mesma noite tenho um "pesadelo". Estou eu e minha mãe discutindo algo a ver com tetos solares... Bicho, era alguma coisa a ver com o Sol. Provavelmente, energia solar né ¬¬ (observação e dúvida idiotas). Estávamos em frente a uma casa, e minha mãe dizia algo do tipo: não, Beatriz, isso não se pode fazer aqui... só nas regiões mais temperadas e fodidas (lógico que ela não disse isso) pelo aquecimento global. E eu me indignava. "Mas mãe, vamos colocar aqui, tem que poder, não é possível!!".

E foi o tipo de sonho com a visão que eu detesto: eu tinha a visão de cima de eu e minha mãe conversando mais em baixo... no chão. Entende?

Eu hein.

Não me deixem nunca trabalhar com Meio-Ambiente nem nada do tipo. Sou capaz de não dormir noite alguma.

Ah, mas e aí.

Pré-vestibular.

Bia Madruga ainda não pegou o ritmo e começa a se preocupar com isso.

Outra coisa que a preocupa é que ela não consegue se ver na universidade ano que vem, mas não porque acha que "é incapaz de passar". Ela simplesmente é incapaz de ter essa visão do futuro.
Agora, neste exato momento, a cabeça dela chora de ódio com a zuada do Baile de Máscaras da Confeitaria Atheneu aqui ao lado. Não há concentração nem para post, quanto mais para estudar História.

Aposto que esse post ficou bem tronxo.

Culpa do Baile, ora (queria estar lá tomando cana com limão e sal).

Carnaval em Macau. A partir de amanhã!

Nenhum comentário: