domingo, 4 de fevereiro de 2007

Vamos plantar uma árvore?

Essa semana uma cena épica aconteceu aqui em casa: família reunida em frente à televisão. Eu, mainha e papai assistindo BandNews (!?!) acho que na.. terça-feira. O tal documento sobre o aquecimento global ainda não tinha saído, e a apresentadora deu uma super notícia, um grande segredo, coisa que ninguém sabia:

"E dentro de tanto tempo sairá um documento sobre o aquecimento global etc etc etc.. Neste documento diz que o culpado pelo aquecimento do planeta é o homem!".
NOSSA. Novidadezona, hein? Pasmos, todos nós.

¬¬
Mas, ironias à parte, o desespero tomou conta de mim mais que nunca.

Acho que a primeira vez que ouvi essa notícia eu tinha meus 14 anos (eu sei que só tenho 16, mas falando assim parece que faz um tempão e aí fica bacana) e estudava funções do 1º grau. Foi algo que SEMPRE me preocupou. Que eu SEMPRE quis saber o que diabos fazer pra ajudar em alguma coisa e que nunca tive resposta alguma.

Por que esse documento demorou tanto pra sair?

Há TANTO tempo que os cientistas gritam que o mundo tá se acabando, ops, que o mundo tá ficando cada dia mais quente... e as indústrias descendo o cacete no gás carbônico.

Aí, enquanto a galera "perde tempo" escrevendo documento, eu acho que alguém tem que tirar o dinheiro do bolso e investir nas famosas energias alternativas não é não?

Já passou em Globo Repórter, Jornal de num sei da onde, Documentário de num sei quando, tantas e tantas invenções de próprios brasileiros, tudo relacionado a isso... e não vejo ninguém fazendo NADA bicho. Um cara que inventa uma máquina de lava-roupas gastanto bem pouquinho de água; outro que faz um teto num sei como; o japonês que inventa o carro movido à isso e àquilo... e, porra, cadê que essas coisas chegam nas nossas mãos? Tudo bem que custa os dois olhos da cara, que não é tão simples e tal, mas será que o investimento NUNCA vai vir? Só depois que a galera começar literalmente a morrer e a não puder sair de casa entre as 10h e as 16h do dia, aí algum presidente filantrópico vai decidir fazer alguma coisa?

Sinceramente, eu me desespero. Eu começo mais do que nunca a odiar andar de carro porque não consigo pensar noutra coisa que não seja o gás carbônico perfumando o ar da cidade e matando os ursos polares.

É sério. Eu vou ficar doida.

Meu espírito ecologicamente correto já me faz cortar relações com pessoas que jogam lixo na rua (parei de falar com meu primo porque ele fez isso!), e com as tartarugas marinhas sendo prejudicadas pela areia quente e os ursos polares fazendo jejum simplesmente porque as focas correram do calor, AÍ SIM eu vou enlouquecer.

Surtando, surtando.

~~ o título foi porque eu perguntei a Poana o que eu faço pra evitar que morram mais ursinhos polares e aí ela fez: sei não... vamos plantar uma árvore?

Talvez seja um bom começo né?

Meu sonho é fazer algo realmente eficiente por isso. Trocar o carro pelo ônibus nau reduz quase em nada. Até porque NINGUÉM vai querer fazer isso e porque o danado do ônibus é movido à diesel.

Que o Fantástico e os demais alienadores, digo, programas de televisão, PAREM de SÓ passar reportagens e façam alguma coisa. PeloamordeDeus!

:~

Nenhum comentário: