sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Talvez tenha sido

Faltava só mesmo uma injeção de autoestima mentirosa, falseada, forçada. Mas uma injeção. Faltava o impulso e o empurro, a volta dada por cima aos tropeços. Dar a volta por cima tropeçando. Mas fazê-lo. Faltava só mesmo a realidade sem traumas, o desencontro esperado desesperado. E mais coragem e mais sorriso. E, principalmente, mais coragem no sorriso. Faltava amor por si. Faltava de si mesma. E foi só.

Parece que venceu.

Nenhum comentário: