terça-feira, 7 de outubro de 2014

Solidão continuada

Um silêncio que não foi pedido. Um passado que não esqueci. Um presente que não me dou conta que tenho. Presentes que não me dou conta que tenho, que ganho. Ausências premiadas. Universos distantes, mais silêncio. Saudades de outros passados. Dos barulhos e conversas. E-mails que não são respondidos. Cartas que nunca foram enviadas. As mensagens que guardei. O ano que acaba e a saudade que paira. Vem mais pela frente. Mais silêncio e menos respostas, mais ausência.

Nenhum comentário: