domingo, 23 de julho de 2017

ontem e hoje

ontem teve o estados de poesia aqui em natal, no bar do zé reeira, e participei duma mesa e em seguida mediei outra.
as duas coisas são desconfortáveis, mas mediar é mais confortável um pouco.

a mesa que mediei era sobre "mulheres na poesia", comigo e mulheres poetas (eu não sou poeta).
não falamos sobre mulher na literatura, mas sobre literatura.
de última hora, uma das convidadas faltou e quem subiu na mesa com a gente era uma não-poeta, mas ficcionista foda.

foi bom. foi interessante. não sei se a galera curtiu, mas a conversa fluiu bem e achei que falamos de coisas relevantes.
por exemplo sobre poesia enquanto política, como atividade mais política que artística,
e sobre talvez estar numa bolha ao fazer poesia dessa maneira,
sobre literatura e ensino,
sobre a ditadura (uma das poetas estudava ciências sociais na década de 70, e foi/é membro de organizações importantes relacionadas à anistia e comissão da verdade),
sobre literatura militante,
principais influências,
e uma pergunta que gostei mesmo de fazer: sobre as produções das quais elas sentiam orgulho.

sempre tem a pergunta de "o que você escreveu que se envergonha, algum primeiro livro ou primeiros poemas, etc". melhor saber do que a pessoa se orgulha.

foi bom.

~

ontem de manhã consegui treinar sanda as 11h, mesmo tendo saído na sexta à noite e voltado bem tarde. me senti jovem e com 100 anos pela frente, obg.
hoje, domingo, teve treino na praia e quase faltei, por motivos de insônia pesada e noite difícil por aqui,
mas fui sem muita expectativa e foi bom. :) ficar perto do mar é bom, treinar na natureza é bom também, brega mas bom. a energia é diferente, e o dia fica com essa energia diferente também.

~

lembrar de meditar.

Nenhum comentário: